• Yubertson Miranda

6 de Ouros: Não basta ajudar; é preciso SABER ajudar.


Cada personagem que aparece numa Carta de Tarot apresenta facetas de uma situação que tenderemos a viver. São espelhos que retratam uma circunstância que melhor representará determinada experiência vivida por  nós.

No caso do 6 de Ouros, há tanto duas pessoas sendo ajudadas quanto uma pessoa ajudando. Para ser ajudado, precisamos ter a humildade de receber bênçãos. O ato de ajoelhar simboliza essa atitude humilde de receptividade às bênçãos que nos ajudarão.

E para ajudar, precisamos ser competentes no tipo de ajuda que queremos oferecer. Foi o que aprendi há muitos anos com a mãe de uma amiga minha. Dalva era o nome da mãe. Damiane o da filha. Damiane estudava comigo na faculdade: Filosofia na PUC/MG. E sua mãe – além de três filhos biológicos – adotara mais de cinquenta crianças!!!

Exato! Fui muitas vezes na casa delas, conviver com todos. Dias gostosos… E Dalva me ensinou que não basta QUERER ajudar… é preciso SABER ajudar. Dalva, inclusive, escreveu o livro RESGATE DOS ANJOS.


Dalva sabia ajudar. Tinha essa competência. E o homem que oferece ajuda na carta também apresenta esse perfil de APTO A AJUDAR. Suas roupas denotam que ele tem recursos a serem oferecidos a quem deles precisa. O fato de segurar a balança na mão esquerda representa a capacidade dele de ser emocionalmente (mão esquerda) justo (balança) ao ofertar ajuda. 

Ontem, saí com o 6 de Ouros como Arcano do Dia. E foi dia de terapia. Ou seja, dia de eu ser ajudado por alguém competente, por um especialista nos assuntos psíquicos. 😉 

Beijãozão nocês…

Yub

13 visualizações0 comentário

Posts recentes

Ver tudo