• Yubertson Miranda

Astrologia é muito louca: até que ponto o outro vive o SEU mapa?


A morte é uma amiga indesejável. Uma inimiga íntima. Uma adversária parceira. Uma companheira permanente. Cada dia mais noto que sou movido pela morte. Deve ser porque Marte – nosso modo de agir – está em meu Mapa Natal no Signo de Escorpião (signo associado a perdas, à morte) e na Casa 8 (domicílio da morte, ops, de Escorpião).

Então, o que me move (Marte) é o medo e o enfrentamento da morte (Escorpião na Casa 8) e a batalha (Marte) de querer pretensiosamente vencê-la (Marte) estrategicamente (Escorpião). Até cansar e ver que é fundamental fazer de seu inimigo, seu aliado (Casa 8 e Escorpião).

Quando Plutão – corregente de Escorpião – transitava pelo Signo de Sagitário, eu observei bastante a vida de amigos e clientes sagitarianos. Confesso que dediquei um olhar mais especial para quem tinha o Sol em Sagitário.

Por quê?

Porque o Sol simboliza a figura paterna. E Plutão – assim como Saturno – representa a morte (na verdade, mudanças; cada mudança é uma espécie de morte até que esta, a derradeira, vem nos visitar). E fui observando se o pai (Sol) de clientes, amigos e parentes sagitarianos morreria (Plutão).

Foi nesse processo que percebi mais claramente um pequeno detalhe que gera uma repercussão reflexiva monstruosa, gigantesca. Qual?

Até que ponto o outro acaba vivendo algo por você???

No ano retrasado, isto é, em 2011, minha cadelinha foi definhando. Foi perdendo a vontade de sair à noite para ir até a Faculdade de minha esposa, onde íamos pegá-la. Ia e voltávamos caminhando. Ela passou a ficar desanimadinha. Seu esforço para subir ao sofá era hercúleo. Daí fui verificar se ela estava com dor. Até que notei um barrigão imenso nela. A famosa barriga d’água. Perdeu os músculos que tinha e ficou puro osso. Como tem muitos pêlos, não notamos facilmente. E veio o diagnóstico:

LEISHMANIOSE

Eu tenho Plutão nos primeiros graus de Libra na Casa 6. Em quadratura com o Sol em Capricórnio na Casa 9. A Casa 6 é considerada a dos pequenos animais. Dos animais domésticos. E Plutão em seu trânsito inicial por Capricórnio estava justamente fazendo QUADRATURA com meu Plutão Natal.

E minha cadelinha (Casa 6) precisando passar por essa crise (Plutão/Quadratura) para poder morrer ou renascer (Plutão).

Na época, eu fazia pilates. E mantinha uma alimentação saudável, normal, sem exageros. Não tive problema algum de saúde na época.

E me perguntei:

– A Mel está vivendo algo em meu lugar?? Até que ponto ela está vivendo algo que era para eu viver?

Esse episódio com a Mel me abriu os olhos para o que vinha refletindo na época do trânsito de Plutão em Sagitário. Até que ponto eu posso contribuir – ou não – na probabilidade da morte (Plutão) de meu pai (Sol)?

Eu já fiquei assombrado com a quantidade de clientes, amigos e conhecidos com Netuno na Casa 3 e o fato de ter um irmão (casa 3) drogado (netuno). Até que ponto as pessoas que são simbolizadas pelo Mapa Natal com essa configuração podem ajudar na cura do vício (Netuno) de seu irmão (Casa 3)??

Enfim, a vida é um todo e estamos todos interligados. Não por acaso é possível ver qualquer pessoa em nosso Mapa Natal. Por exemplo: filhos estão na Casa 5. A pessoa parceira, o sócio, estão na Casa 7. O professor está na Casa 9. O patrão, o chefe, a empresa estão na Casa 10. Os amigos estão na Casa 11. Os animais domésticos estão na Casa 6. O médium, o guru, o pastor, o padre estão na Casa 12 ou na Casa 9. O terapeuta, o gerente do banco estão na Casa 8. O vizinho está na Casa 3. A empregada doméstica ou a diarista estão na Casa 6. Enfim, cada pessoa está representada em alguma área (Casa Astrológica) no Mapa Natal.

É uma comprovação de que estamos todos interligados na vida de cada um. E, portanto, é bem provável que tenhamos influência no modo como o outro vive a sua vida. Se não vivemos algo, o outro vem e vive por nós. O que o diga a Casa 7 que, quando não desenvolvida e expressada conscientemente (os atributos do signo e de planetas nessa Casa), quem viverá tudo isso será a pessoa parceira. E com riscos de viver o que há de mais negativo dessas características, por conta da nossa inconsciência.

E se vale para a Casa 7, porque não vale para cada uma das outras Casas do Mapa Astral??

Beijos reflexivos… Yub

0 visualização0 comentário