• Yubertson Miranda

Copa do Mundo da Rússia: Previsões a partir do Mapa Astral da estreia!


Mapa Astral da Copa do Rússia 2018

Hoje, dia 14-06-2018, começa a Copa do Mundo de Futebol. A Copa da Rússia 2018.

O mapa astral do jogo da estreia marca o início do evento. Nasceu. Tem um mapa astral. E ele nos revela muitos detalhes interessantes.

Primeiro vemos ali um Ascendente em Escorpião.

O que ficará evidente serão as viradas? Time começa perdendo e vira a partida ou consegue o empate se recuperando dramaticamente?

Escorpião é o signo das perdas, crises e renascimentos. É o que marca o evento (Copa do Mundo) por estar no Ascendente do Mapa Astral do início.

Também pode ser a Copa daquela seleção que começou mal, fez uma primeira fase ruim ou não tão esperada, e daí na fase eliminatórias ela renasce e vai com tudo – tal como a dinâmica escorpiana aponta.

Marte – um dos regentes de Escorpião – está em Aquário.

Aquário é o bizarro. Aquário é o gênio.

Portanto, poderemos esperar lances bizarros e jogadas geniais nesta Copa do Mundo.

O uso da tecnologia (Aquário) também poderá ser decisivo nesta Copa. Poderá ganhar evidência.

Ainda mais que Marte vai diminuindo sua marcha. E ficará retrógrado no dia 26/06/2018.

Marte é a cara de atletas. Símbolo mor de atacantes. Marte Ataque!

Marte em Aquário é o atleta genial.

Como ficará retrógrado, poderemos observar atletas geniais se contundindo e freando o seu ritmo, tendo sua energia diminuída durante a competição.

A força, obviamente, estará no conjunto, na equipe. Afinal, Aquário – signo no qual Marte (um dos regentes do Ascendente) se encontra – preza pelo grupo.

Então, a seleção que apresentar esse melhor conjunto e não tanto o individualismo – por mais genial que seja um jogador – sairá na frente. Terá melhores chances nesta Copa.

Claro que a copa poderá ser decidida por um lance bizarro, por um lance genial, pelo uso da tecnologia. Mas para chegar lá, a equipe será fundamental. Isso tudo é Marte em Aquário.

Marte Retrógrado em Aquário também pode representar aquele jogador que tinha tudo para demonstrar sua genialidade, não demonstrou durante toda a fase de classificação ou mesmo o início da fase eliminatórias, e agora tem a segunda chance de retomar o seu movimento genial e fora da curva para decidir a Copa do Mundo.

Portanto, aquele craque que não brilhou como devia na fase de grupos e início da fase eliminatória, a partir do dia 26/06/2018, é decisivo. E carrega a copa nos braços para a sua equipe. Mas que sem esta equipe não teria chegado nesta fase decisiva. Isso será Marte em Aquário na Copa, creio eu. Claro que posso estar errado. Mas é como eu vejo.

O outro regente do ASC é Plutão. E este encontra-se no conservador Capricórnio. A força de uma seleção tradicional. O poder (Plutão) e a autoridade (Capricórnio) de uma seleção tradicional (Capricórnio).

Então, dificilmente teremos algum campeão novo, diferente. Alguma seleção tradicional deve levar a taça.

Isso é reforçado pelo fato de Mercúrio (regente do MC/ o ponto de mais êxito e sucesso de um mapa astral) estar no também tradicional signo de Câncer. A tradição em evidência.

E um Mercúrio de Casa 8 (domicílio de Escorpião). Ou seja, enfatiza a dinâmica de recuperação e renascimento de uma seleção. Começa mal, termina bem. Enfrenta situações muito desafiantes em campo, parecendo que não vai conseguir se recuperar e ressurge das cinzas para a glória da conquista.

Esse Mercúrio está em conjunção com a Lua em Câncer. Mais um ponto para uma seleção tradicional conquistar o caneco do Mundial da Rússia.

Esse Mercúrio está em Oposição a Saturno em Capricórnio. Uma seleção econômica? Poucos gols? Mas fazendo o suficiente e demonstrando sua competência nos detalhes? Vence no fim, depois de muito persistir, fazendo gols ao fim de cada tempo ou ao fim do segundo tempo (e depois na prorrogação e penaltis)? Pode ser… Saturno é o longo prazo. Saturno é o limite do tempo. Capricórnio idem.

Talvez essa conjunção da Lua-Mercúrio em Câncer represente a oscilação que tal seleção enfrentará, tal como começando numa fase ruim e travada, até renascer e ganhar (Casa 8).

Bom, no decorrer do evento abordarei mais análises astrológicas (e quem sabe tarológicas) desta Copa do Mundo.

Caso queira ficar com as previsões que o Gui Salviano fez e compartilhou conosco nesta prazerosa entrevista que fiz com ele, aproveite:


Beijãozão e Brasil-sil-sil…

Yub

0 visualização0 comentário